top of page

Natal +: É hora de fazer a diferença


Segundo relatório da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), divulgado em julho passado, mais de 61,3 milhões de brasileiros enfrentam algum tipo de insegurança alimentar e 15,4 milhões tiveram que lidar com a categoria mais grave de insegurança alimentar nos últimos anos.


Outro estudo, da Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar (PENSSAN), divulgado em setembro, aponta que três em cada dez famílias enfrentam insegurança alimentar moderada ou grave. Juntando com a leve, são 125,2 milhões de pessoas com preocupação sobre a disponibilidade de alimentos, com algum grau de indisponibilidade dos mesmos ou passando fome, num país com 213 milhões de habitantes. Ou seja, mais da metade. E em números absolutos, a região Sudeste é a mais atingida.


A campanha Natal + deste ano quer fazer a diferença. Com a ajuda dos colaboradores, clientes e parceiros, o Grupo JAL vai arrecadar donativos (roupas, calçados, brinquedos, alimentos e itens de higiene pessoal) para entregar a entidades carentes da região da Baixada Fluminense, neste final de ano, com o objetivo de proporcionar às pessoas atendidas por essas instituições um Natal mais farto. Para estimular a participação, será realizada uma gincana interna entre as áreas.


Os colaboradores da área que mais arrecadar alimentos participarão do sorteio de duas cestas de Natal. Além disso, cada pessoa que doar no mínimo dois quilos de alimentos não perecíveis ou contribuir com no mínimo R$ 5,00 na listagem de arrecadação ganhará um brinde especial (bolsa, caneta ou copo).


A campanha Natal + vai até o dia 16 de dezembro e as doações podem ser feitas em qualquer um dos pontos de coleta instalados na Flores (portaria I, portaria II, administração e Efrot) e na Real Rio (portaria e departamento pessoal), bem como nas cabines dos controladores operacionais.


A entrega das doações acontecerá entre os dias 19 e 23 de dezembro e será realizada por equipes formadas por colaboradores voluntários.

Comments


bottom of page