top of page

Juntos podemos tudo

Chegamos ao final de mais um ano… E que ano. Foram muitas emoções, decepções, descobertas, frustrações, esperanças renovadas. O Brasil, em particular, viveu momentos que entrarão para a história, como a prisão do ex-presidente Lula e a eleição de Jair Bolsonaro como o 38º presidente do País. A greve dos caminhoneiros, o assassinato da vereadora Marielle Franco, o atentado contra Bolsonaro, o incêndio do Museu Nacional, a desclassificação do Brasil na Copa da Rússia foram alguns dos acontecimentos que marcaram o ano de 2018.

Para nós, do setor de transporte coletivo de passageiros, foi um ano particularmente difícil. Tivemos que nos confrontar com situações que mexeram profundamente com todo o sistema, mas que foram fundamentais para iniciarmos uma nova etapa, de maior transparência e ética. Aqui, no Grupo JAL, tivemos que nos unir e renovar nossas forças para continuarmos nossa jornada, que sempre foi pautada pela responsabilidade fiscal, social e ambiental. Conseguimos garantir os empregos de nossos colaboradores, apesar do fantasma do desemprego que assombra todo o Brasil, e conseguimos fazer com que nossas empresas se mantivessem fortes e idôneas.

Para 2019, há muitas incertezas ainda pela frente quanto ao futuro do nosso País. Mas, há também muita esperança e positividade. Nós, do Grupo JAL, continuaremos firmes em nossa caminhada, com a certeza de que juntos podemos tudo. Ao longo dos nossos 61 anos de história já provamos nossa capacidade de superação inúmeras vezes e já conquistamos diversas vitórias. Somos, hoje, mais de três mil colaboradores num mesmo propósito de prestar o melhor serviço de transporte para nossos clientes. Portanto, de mãos dadas, vamos rumo ao novo ano, cheios de fé e esperança.

Feliz Natal para todos vocês e suas famílias e um 2019 de muita prosperidade.

Posts recentes

Ver tudo

Pesquisas de satisfação avaliam propulsores de valor

O Grupo JAL fechou os resultados das pesquisas de satisfação dos clientes 2018. No levantamento junto aos passageiros das linhas da Flores, Planalto, Brazinha, Rio D’Ouro, Beira Mar e Mageli, realizad

Comentários


bottom of page